Kessy "Paraíba" garante arsenal de ataques para confundir norueguesa na Copa Podio

Paraibana faz a terceira luta do duelo Cabras da Peste vs. Vikings

A 4ª temporada da Copa Podio, que acontece em 9 de janeiro, no Rio de janeiro, vem recheada de atrações. Além do GP dos Leves, que marcará a despedida do atual campeão Leandro Lo da divisão, a primeira etapa do duelo entre Cabras da Peste e Vikings promete trazer bastante rivalidade entre os atletas do norte da Europa e do nordeste do Brasil.

 

Na terceira luta do inédito duelo, entrarão em ação as meninas, que prometem dar um charme extra a competição, cada uma com sua particularidade. Do lado da equipe dos Cabras da Peste, estará a faixa-marrom da Gracie Barra, de 20 anos, Kessy ‘Paraíba’, que terá uma luta duríssima pela frente diante da norueguesa Ida “Xuxú” Floisvik, na categoria até 70 kg.

 

A paraibana começou na arte suave aos 13 anos, quando em sua escola ou o aluno optava por fazer balé ou pelo judô. Diferentemente da maioria das meninas, Kessy escolheu o judô, onde permaneceu durante dois anos, o que foi fundamental para agregar a seu jogo de atleta do jiu-jitsu, que acabou se tornando, após convite de um amigo para treinar na academia de Fabiano Silva, faixa-preta de Charly Brown.

 

Ershirley Kessy Pereira concilia os estudos na faculdade de Educação Física com os treinos de jiu-jitsu, após passar dois anos afastada das competições por conta de um outro curso que resolveu fazer. O ano de 2016 marcará o retorno de Kessy as competições e a bela lutadora espera usar sua experiência no judô para derrubar a norueguesa e fazer o seu jogo ‘mais atual’.

 

“Antigamente eu era bastante guardeira, porém fui mudando com o tempo e sempre quando tenho a oportunidade gosto de aplicar uma queda e trabalhar a passagem de guarda.. Minha especialidade é derrubar os oponentes”, disse a paraibana, analisando o jogo de Ida.

 

“Vi que ela é guardeira e bem maior que eu, então posso trabalhar passando ou usando a chave de pé, mas pretendo fazer a primeira opção para impor meu jogo. Vou jogar atacando, seja de onde ela vier. Se ela fizer um movimento que eu esteja esperando, vai levar um contra ataque. Todo espaço que ela me der, vou aproveitar. Caso ela consiga impor o ritmo dela, vou defender com calma e preparar o bote”, garantiu a promessa da GB.

 

Se Ida “Xuxú” Floisvik garantiu que o seu poder viking irá fazer a diferença na luta, já que segunda ela, os noruegueses não desistem nunca, Kessy revelou o valor de um cabra da peste. “Nós temos muito raça, determinação e a força nordestina”, encerrou.

 

Confira abaixo as lutas da batalha entre Cabras da Peste vs. Vikings, da primeira fase da 4ª temporada, no GP dos Leves:

 

Espen Mathiesen (Noruega) x Yan Pica-pau (Ceará)

 

Ida Floisvik (Noruega) x Kessy Pereira (Paraíba) 

 

Tommy Langaker (Noruega) x Rafael Vasconcelos (Ceará)

Fonte: Erik Engelhardt

Data da publicação: 2015-12-07 23:30:48

Veja também

Entenda como vai funcionar a disputa entre os lutadores do norte da europa e do nordeste do Brasil na Copa Podio
Entenda como vai funcionar a disputa entre os lutadores do norte da europa e do nordeste do Brasil na Copa Podio

Vikings e Cabras da Peste tentam a conquista da Copa Podio na 4ª temporada

Ver mais
Saiba por que você não pode perder a Copa Podio, que traz card ‘galáctico’ ao Rio de Janeiro
Saiba por que você não pode perder a Copa Podio, que traz card ‘galáctico’ ao Rio de Janeiro

GP dos Médios e lutas casadas prometem parar a Cidade Maravilhosa nesse sábado (22)

Ver mais
Depois de rodar o mundo, Copa Podio retorna a Porto Alegre para coroar o Rei dos Pesados na sua 5ª temporada
Depois de rodar o mundo, Copa Podio retorna a Porto Alegre para coroar o Rei dos Pesados na sua 5ª temporada

Espetáculo esportivo ocorrerá no dia 16 de junho no Ginásio do SESC Campestre

Ver mais
Podio