Faixa-preta desbrava um mercado novo no Brasil com a profissionalização do Jiu-Jitsu

Na trillha do futebol, Abi-Rihan avalia transição de competidor para comentarista.

Créditos da imagem: Abi-Rihan fará sua estréia na televisão no próximo dia 5 de outubro no programa da Copa Podio.

Se no futebol, muitos jogadores quando se penduram as chuteiras acabam migrando para a TV e assumindo cargos de comentaristas, no Jiu-Jitsu a situação ainda não chegou a esse patamar. Pelo menos por enquanto.

 

Com a profissionalização da arte suave e a consequente entrada na televisão, o mercado irá precisar de comentaristas e já tem lutadores ditando essa tendência.

 

Ex-campeão Estadual (5x), Brasileiro (2x) e Europeu na faixa-preta, Raphael Abi-Rihan está afastado das competições por conta de lesões e encontrou outra vertente para contribuir com o crescimento do esporte. O mestre é contratado da Copa Podio, onde estreou como lutador e atualmente mostra desenvoltura como comentarista oficial das transmissões.

 

A estreia no trabalho novo não assustou nenhum pouco Abi-Rihan, que mostrou logo de cara que era a pessoa credenciada para comentar os espetáculos promovidos pela Copa Podio.

 

“Estreei na primeira temporada do GP dos Pesados comentando ao vivo e desde então não saí mais. Eu não fiquei nervoso quando comecei como comentarista porque é um assunto que eu tenho conhecimento”, disse Abi Rihan.

 

Acostumado a adrenalina de dentro dos tatames, o faixa-preta acredita que a vivencia das competições o ajudou a controlar o frio na barriga durante as transmissões ao vivo.

 

“É uma situação diferente, mas tudo que eu vivi nos tatames e nas competições me deram um controle emocional em situações adversas. Não é algo que tenho que estudar antes, pois falo sobre o que vivenciei desde cedo, então foi natural, mas é claro que existem umas técnicas que a gente vai aprendendo”, ponderou Raphael.

 

A próxima etapa da Copa Podio acontece no dia 22 de novembro, no Rio de Janeiro, quando Felipe ‘Preguiça’ defende o seu título no GP dos Médios. O comentarista oficial do evento avaliou o nível de profissionalização contido no show e a parceria com o canal “Woohoo”.

 

“A Copa Podio está oferecendo todo o suporte aos atletas, que são os caras que fazem espetáculo. O objetivo é fazer com que o público entusiasta comece a curtir o esporte e assista as lutas. A Copa Podio criou uma identidade junto aos lutadores e trouxe um profissionalismo elevado, próximo aos grandes espetáculos de MMA no exterior", disse o faixa-preta, complementando.

 

"Com a estreia do nosso show no dia 5 de outubro no canal Whoohoo, daremos um passo importante para o desenvolvimento da arte suave junto ao grande público, pois o dinamismo da Copa Podio irá chamar a atenção" concluiu.

Fonte: Erik Engelhardt

Data da publicação: 2014-09-16 12:05:55

Veja também

 Diego Borges rumo ao GP dos Pesados: “Vou escalar essas muralhas”
Diego Borges rumo ao GP dos Pesados: “Vou escalar essas muralhas”

Manaura terá que encarar 4 gigantes para chegar as semi-finais do GP dos Pesados

Ver mais
Duelo entre Preguiça e Guto Campos reacende a saudável rivalidade entre o gaúcho e a equipe mineira.
Duelo entre Preguiça e Guto Campos reacende a saudável rivalidade entre o gaúcho e a equipe mineira.

Dois anos depois de vencer \'\'Tio Chico\'\', Guto Campos retorna para encarar Preguiça na Copa Podio.

Ver mais
Davi Ramos alerta rivais da Copa Podio: “Preparem-se para o pior”
Davi Ramos alerta rivais da Copa Podio: “Preparem-se para o pior”

Carioca é um dos favoritos para desbancar o campeão Leandro Lo

Ver mais
Podio